sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

PMERJ: GOVERNO INVESTE EM CONCURSOS PARA POLICIAIS MILITARES


Foto: Rogério Santana

Melhorias salariais e benefícios, pacificação e modernização estão transformando a carreira de policial militar em uma das mais atrativas do Rio de Janeiro. O número de candidatos em concursos públicos da Polícia Militar bateu recordes históricos. Na seleção para soldado, em 2010, 68 mil candidatos competiram por 13 mil vagas. Deste total, 7.895 iniciaram o curso entre 2011 e 2012. No fim de 2012, mais 585 soldados se juntaram aos 5.720 policiais concursados em 2010 e que já estão reforçando a segurança do estado. Este ano, mais seleções serão lançadas.


– Os candidatos procuram o concurso da PM por vários motivos: além do aumento da remuneração, temos um plano salarial até 2014 e ganhamos redução das promoções na corporação, o que significa que o soldado da PM chegará à graduação máxima mais rapidamente. A diminuição dos números de mortos e feridos em ação policial também caiu drasticamente, e isso também atrai o candidato – explicou o chefe do Centro de Recrutamento e Seleção de Praças, tenente-coronel Roberto Vianna, lembrando que a PM tem hoje 45.154 policiais.



A oferta para policiais tem aumentado nos últimos anos. Em 1997, por exemplo, foram feitos concursos para 5 mil policiais soldados e apenas 1.430 foram incorporados. O contraste é grande quando é observada a seleção histórica de 2010, que tem previsão de preenchimento de todas as 13 mil vagas até setembro de 2013.



Nova turma de formandos preparada



Pronto para colocar em prática o que aprendeu durante oito meses de curso no Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças, em Sulacap, o soldado Helton de Oliveira do Nascimento, de 26 anos, foi um dos policiais diplomados na última formatura do ano passado, em novembro. Assim como seus companheiros de farda, Helton estava ansioso para enfrentar os desafios da profissão.



– Foi um processo de seleção muito trabalhoso, mas valeu a pena. É um orgulho fazer parte da Polícia Militar do Rio de Janeiro. Estou pronto para levar mais segurança à população fluminense – afirmou o policial militar.



Mais mulheres na corporação



As mulheres assumem um espaço cada vez maior nas tropas da PM. Até 2006, o número de vagas para o público feminino era restrito. Hoje, não há limites, e o percentual de participação fica entre 10% e 15%. No concurso de 13 mil vagas para soldados, 1,5 mil mulheres foram aprovadas, entre elas Amanda Loiola, de 23 anos, que se formou em 2012.



– Realizei um sonho, que até há pouco tempo era difícil de ser alcançado porque as vagas para mulheres eram restritas. Agora, vivemos em outra época, em que conhecem o valor das mulheres dentro de uma corporação. Somos perfeitas para atuar na nova política de aproximação com a sociedade, somos mais sensíveis – disse futura soldado Amanda. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A sua visita é importante, seu comentário muito mais.
A sua mensagem não passa por autorização do moderador, portanto comente com responsabilidade a não violar as regras do blog.
Att. o Administrador.